- O que vale a pena


Há, acharam que eu não ia voltar mais de BsAs né, infelizmente to de volta, na verdade voltei a 1 semana, mas é que na bagagem veio junto uma gripe que evoluiu, virou sinusite que generalizou e virou um mal estar do cão.
Eu não tenho pretensão alguma em fazer um super guia de BsAs, primeiro pq minha memória é ruim e eu não lembro o nome de quase nada, segundo pq a melhor coisa que eu fiz nessa viagem foi ter deixado os trocentos guias que eu li antes de lado e ter feito tudo no estilo turista, ou seja, mapa na mão e muitas perguntas na rua.
Essa foi a primeira vez que eu sai do país, eu não falo nada de espanhol, eu achei que as aulinhas do colegial me garantiriam água, comida e banho, então nem fui atrás do intensivão que flei que ia fazer, e não se engane, a língua é parecida mas não igual, achar ziploc foi quase um parto (santa farmacity), mas, tem brasileiro pra tudo quanto é lado, é até engraçado, pq não rola aquela de flar algo achando que ninguém vai te intender, SEMPRE tem um brazuca por perto. 
Como toda gordinha, a comida é algo importante, e Deus sabe o quanto eu desejei um prato de arroz branco e batata frita naquele lugar, ou as papas fritas, já que lá batata frita é batata doce frita, um suquinho de laranja tbm teria sido ótimo tendo em vista o preço do refrigerante por lá, mais não posso reclamar, comi muito, massa é o que não falta, nhoque, pizza, macarrão e as empanadas, fora os carboidratos matinais que me faziam pular da cama mais cedo (brinks, é que as antas não sabiam o horário do café mesmo e tinham medinho de perder), pra beber fui apresentada a uma senhora chamada Quilmes que vinha em jarra de dois litros ou caneca (no Hard Rock), tbm fiz a fina tomando vinho branco gelado (Ae Bruno o/) e vinho tinto, confesso que desses ai o meu preferido foi a dona Quilmes, mais pode ser que eu ainda esteja sobre o efeito do álcool presente na bichinha.
Os passeios são pra todos os gostos, fui em um show de tango do Senhor tango, que por sinal foi incrível, bati perna até não poder mais, fui em apenas 2 shoppings, o da galeria pacífico que era quase do lado do hotel e no Buenos Aires design, que é bem lindão e cheio de lojas de decoração e design, fui no Hard Rock café em dia de jogo da Argentina e no Casino flutuante, fora todos as cantinas, cafés, 25 horas (o pancho de lá é ruim) e biroscas que a gente foi.
Eu sai do país achando que ia comprar BsAs, já que o peso tava tão barato, só que chagando lá, as coisas não estavam tão baratas assim, o couro tava caro e a paciência pra perder oportunidade de conhecer lugar comprando tava zero, comprei pouquíssimas coisas, um tênis e um babyliss pra ser mais exata, o resto foi pra família, mas foi bem pouco mesmo,  mesmo assim paguei excesso de bagagem, já que a idiota levou uma mala lotada e teve que comprar outra malinha pra voltar pra casa.
Mais, afinal, o que realmente valeu a pena, valeu a pena o tempo que eu aproveitei como nunca, a companhia da amiga Caroline (saudades já), novas experiências, pessoas diferente que a gente conheceu e conviveu (Ae Bruno d novo o/), o tempo pra refletir nas coisas, na vida, a saudade das pessoas que ficaram, as lembranças , os chocolates quentes (tem hífen?), tudo, foi definitivamente o dinheiro mais bem gasto e minhas atuais ambições agora são viagens.
Não fiz um guia, mais dá pra absorver alguma coisa.

Beijos


3 comentários:

  1. Que delícia de viagem!
    Quero ver as fotinhos :)
    beijos

    ResponderExcluir
  2. Estou morando em Jundiai
    Vou ficar 1 ano e depois não sei pra onde eu vou rs
    Meu marido tem vontade de voltar pro Japão
    Vamos ver rs
    beijos

    ResponderExcluir
  3. Aiiiiii o meu tb gata...ainda nem o brasil conheço :(


    Beijos de Portugal *

    ResponderExcluir

Obrigada por dividir comigo a sua opinião!!
^^